Casamento civil: Janaina + Irdes

6 fevereiro 2015

A gente fala tanto da cerimônia e da recepção que o casamento civil acaba ficando meio esquecido, não acham? Mas para mim esse dia teve a mesma expectativa que o dia do casamento religioso! Escolhi a minha produção com muita antecedência, convidei várias pessoas queridas da família e me emocionei muito na hora das assinaturas.

A Janaina e o Irdes fizeram ainda mais, tiveram um receptivo super gostoso para comemorar com as pessoas especiais. Eles se conheceram na faculdade de São João Del Rei quando ela cursava psicologia, e ele, administração. Sempre rolava um paquera na academia e nas festas que frequentavam, mas foi só depois de 10 anos, quando retomaram o contato via facebook que perceberam o amor no ar. Nem os 500km de distância os separava mais. Irdes pegou um avião e veio ao encontro da Janaina:

“Ele atravessou um pedaço de azul para me encontrar. O céu estava lindo, o dia quente e havia um frio na barriga. Nos encontramos, comemos pizza, ele tomou coca-cola, nos beijamos, fomos ao cinema, passeamos de mãos dadas pela Praça da Liberdade e vi que já estava livre para um novo amor.” 

O pedido de casamento aconteceu quando o Irdes precisou trabalhar por um tempo em NYC. Janaina aproveitou para visitá-lo e ainda ganhou a tão sonhada aliança na mão direita. O casamento religioso será em Tiradentes e eu já posso imaginar quão lindo vai ser, pois no casamento civil já preparam tudo com muito carinho!

“Preparamos tudo com muito carinho e cuidado, minha mãe ajudou muito, pois é dela que herdei a paixão por rendas e laços de fita. Escolhemos o branco e a delicadeza para a decoração. Ornamos as forminhas de doces com pérolas e tule, o naked cake foi eleito como destaque para a mesa – uma belezura! Pintamos o letreiro LOVE e contornamos com mais pérolas, além de bandejas e guardanapos que também ganharam as delicadas pedrinhas. Corações e pequeninas flores tomaram os topos dos bombons. Uma suqueira, canudinhos e garrafas vintage fizeram a alegria da criançada. Antes, houve making of com direito a gargalhadas, sapatos azuis, vestido e cabide de noiva. Sim, minha mãe e eu confeccionamos até o cabide para o vestido. Ela também rebordou toda a renda off White do meu decote e percebi o quanto um casamento é feito de afeto. No nosso “altar”, hera inglesa e flores brancas. Nosso porta alianças, o Elogio ao amor do Alain Badiou. Everything do Michael Bublé embalou minha entrada. Sim, ele já podia acreditar que é meu homem.”

civil3 Screen Shot 2015-02-05 at 11.20.32 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.24.33 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.31.28 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.31.57 PM civil2 civil Screen Shot 2015-02-05 at 11.32.39 PM
...............................................................................................................................................................

Lembrança mais doce

O que mais me marcou no dia do casamento foi que “tudo” deu certo... o que não deu, saiu melhor da forma como aconteceu... o noivo não conseguia abrir a garrafa de espumante para o brinde, por exemplo, e isso rendeu fotos divertidas e muitas gargalhadas. É preciso consentir com aquilo que “escapa”, sem se estressar, nem considerar o fim do mundo. Algo sempre sairá diferente do script, não é assim na vida real?

...............................................................................................................................................................

Screen Shot 2015-02-05 at 11.35.46 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.36.33 PMScreen Shot 2015-02-05 at 11.36.48 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.37.02 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.37.15 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.37.29 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.37.42 PM

...............................................................................................................................................................

Valeu a pena? Faria tudo de novo? 

Tudo vale a pena se a alma não é pequena, aposto no verso “quase clichê” de Pessoa. Faria tudo de novo hoje, da mesma forma. Não é tão usual vermos por aí festividades em torno de um casamento civil quando se terá uma festa maior no religioso... mas se isso for desejo dos noivos, que mal tem? Adoramos tudo e nossos convidados também. E, sobretudo, faça algo que tenha a cara de vocês, que celebre o seu amor.

...............................................................................................................................................................

Screen Shot 2015-02-05 at 11.33.10 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.33.27 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.34.00 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.34.21 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.34.36 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.35.00 PM civil4 civil5

...............................................................................................................................................................

Conselho para quem está planejando o casamento

Sugiro que os noivos construam juntos a ideia da celebração, seja ela qual for: um noivado, um casamento civil, um casamento religioso... enfim, como noivamos fora do país e sem a presença dos nossos familiares e amigos, consideramos importante a ideia de festejar a cerimônia civil. Não convidamos todos os amigos, pois isso implicaria outros gastos e, mais ainda, a mudança do local. E desejávamos ter lembranças daquele jardim, daquela casa, já que, após o casamento, me mudo para São Paulo.

Realizamos muita coisa, muitos “mimos”, como diz minha cerimonialista que também participou do evento como convidada. Sim, uma noiva não precisa de tanto dinheiro para realizar seus sonhos, precisa de criatividade, simpatia, disponibilidade e bons amigos. Uma dica importante é passar pela rua 25 de março, em São Paulo, para comprar fitas, pedras, pérolas, forminhas e tantos outros detalhes que poderão deixar seu casamento repleto de delicadeza e também sofisticação, por que não?

Procure se inspirar naqueles e naquilo que faz(em) parte do seu dia a dia. Adoro os blogs que trazem temas de casamento com elegância e criatividade, o Berries and Love, por exemplo, me serviu muito de inspiração. Se a onda atual é vintage, mas você é uma noiva mais moderna, siga sua onda e tenho certeza de que não irá se arrepender. Seguir o que anda “em voga” e não lhe inspira é, por sinal, muito démodée.

...............................................................................................................................................................

 

Screen Shot 2015-02-05 at 11.37.58 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.38.21 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.38.37 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.38.52 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.39.05 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.39.16 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.39.28 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.39.46 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.39.56 PM Screen Shot 2015-02-05 at 11.40.16 PM

...............................................................................................................................................................

Cabelo e maquiagem: Lucas Maia | Decoração: Floricultura Sempre Viva | Fotografia: Carol Nogueira | Cerimonial: Fátima Toledo | Buffet: Paladar Buffet | Bolo e bombons: Ateliê do Bolo

  • myymada

    Adorei!!!
    Dessa maneira todos podem ter seu sonho realizado.
    Eu quero comemorar de 5 em 5 anos as bodas com uma festa 😀
    De acordo com a renda eu vou fazendo hahahaha